a Cultura Organizacional é a certeza para o seu negócio Ir para o conteúdo principal

 

A pandemia da Covid-19 deixou muitas marcas e trouxe mudanças complexas para as sociedades atuais. Trata-se de um um evento que vai ficar marcado nos livros de histórias e que, apesar de superado, ainda trás um futuro incerto.

Após a Covid-19, outros eventos se desenrolaram, como a invasão da Ucrânia pela Rússia, que aprofundou divisões e trouxe ainda mais incertezas. Com esse panorama recente, muitas economias mundiais estagnaram e estão passando por crises internas, por exemplo a inflação mais alta do que o previsto, sobretudo nos Estados Unidos e nas economias dos países da União Europeia.

De acordo com o Fundo Monetário Internacional, a “atividade econômica global vive uma desaceleração generalizada e mais acentuada do que o esperado”. O FMI prevê que o crescimento ainda desacelere em 2,7% para 2023, mas que a inflação caia de 8,8% em 2022 para 6,5% em 2023.

No Brasil, segundo o último relatório “Focus” divulgado pelo Banco Central, com uma forte desaceleração da economia já no terceiro trimestre de 2022, a estimativa é de que o PIB do país cresça apenas 0,75% em 2023. A piora é consequência dos juros altos, restrição de crédito, baixo índice de investimento das empresas, crises nos países que comercializam com o Brasil, como China e Estados Unidos, entre outras causas.

No contexto brasileiro, ainda presenciamos as últimas eleições presidenciais que são sempre sinônimo de novas mudanças e desafios, mas também uma oportunidade para buscar crescimento, desenvolvimento e inovação.

Apesar da inovação fazer parte do DNA empreendedor, podemos encontrar dois grupos de empreendedores e líderes diante das perspectivas apontadas acima: um grupo que responde às incertezas com medo e outro que está pronto para encarar as incertezas com otimismo e olhar de oportunidade.

O primeiro grupo têm se apoiado em fatores políticos e econômicos como a principal causa de estagnação e retração das empresas e do mundo corporativo como um todo, transmitindo um discurso de medo e mentalidade de escassez para as suas equipes.

O segundo grupo têm visto o novo panorama mundial como uma oportunidade de inovação e superação, enxergando diferentes possibilidades no mercado e preparando suas equipes para mudanças capazes de gerar transformações positivas para seus negócios e sociedades nas quais estão inseridos.

Independentemente de como você tenha escolhido começar 2023, é importante levar em consideração que a mentalidade do empreendedor e das lideranças afeta diretamente a organização.

Ter uma mentalidade positiva diante desse cenário é estimular constantemente os colaboradores a desenvolverem suas capacidades, proatividade e autonomia garantindo uma melhoria contínua dos processos e resultados da organização. Já uma mentalidade negativa ou de medo terá o efeito oposto, gerando uma desmotivação por parte dos profissionais, falta de confiança e queda de desempenho, afetando processos e resultados.

E tudo isso passa pela cultura organizacional da empresa, pois é ela quem dita as diretrizes, os valores e propósito do seu negócio. Isso porque, a consolidação, disseminação e sustentação da cultura corporativa dependem das qualidades do empreendedor e das lideranças, com seu estilo de gestão, responsabilidade, propósito, capacidade de se comunicar abertamente e com transparência, capacidade de ouvir os colaboradores, respeito e promoção do crescimento profissional e pessoal dos colaboradores.

Todas essas características refletem não somente na forma como liderar a empresa, mas também na resposta dos colaboradores, fundamental na hora de lidar com um cenário desafiador e incerto.

A visão do Instituto Mudita

Nós do Instituto Mudita acreditamos que, apesar das incertezas e desafios presentes, o ambiente de trabalho dentro das organizações deve priorizar a união, o engajamento, a organização, a motivação, o foco e a inovação. Uma organização que tenha essas características em seu ambiente de trabalho, com certeza irá conseguir lidar com um cenário externo turbulento ou de incertezas.

É importante citar aqui a fala da nossa fundadora e também empreendedora Luana Pace: “não podemos ficar neste lugar do medo, medo de investir, de avançar, de evoluir, pois quando entramos neste lugar de medo, ficamos retraídos, paralisados e podemos perder oportunidades que podem alavancar o nosso negócio.”

Apesar da pandemia da Covid-19 ter causado muitos impactos negativos, como a quebra de muitos negócios, por outro lado muitas empresas e setores se reinventaram, inovaram e cresceram, utilizando a mentalidade do crescimento para aproveitar as oportunidades e fazer acontecer.

No Brasil, por exemplo, o e-commerce teve recorde de faturamento em 2021, atingindo mais de 161 bilhões de reais, refletindo um crescimento de 26,9% comparado ao ano anterior.

A Housi, startup brasileira de gestão de moradias, viu a sua demanda de contratos aumentar em 167% durante a pandemia. Fundada em 2019, a Housi oferece moradias decoradas e com todos os serviços incluídos como água, luz, IPTU e Wi-Fi, sem a necessidade do inquilino assinar contratos com imobiliárias.

O fato da pandemia ter feito com que muitas pessoas optassem por viver em outras cidades e/ou escolhessem uma moradia que melhor se adaptasse às suas necessidades, foi uma nova oportunidade para a startup que aumentou a sua presença em diversas cidades brasileiras.

Olhar para a cultura é a resposta 

Em tempo de incertezas, olhar para a cultura organizacional é fundamental, pois ela coloca o propósito do negócio no centro das decisões. Uma cultura fortalecida e estruturada traz segurança e engajamento para os colaboradores, que entendem qual é o seu papel dentro da organização e a sua importância em agregar valor ao negócio.

Além disso, colaboradores unidos, engajados e focados para atingir resultados dificilmente se verão afetados por questões externas, que normalmente poderiam provocar estresse, absenteísmo, desmotivação e falta de produtividade. Daí a importância de uma mentalidade positiva por parte do empreendedor que será transmitida através da cultura organizacional para toda a equipe.

Uma mentalidade positiva também é aquela aberta a mudanças e inovação, que analisa os pontos positivos e negativos do negócio e torna o empreendedor, as lideranças e suas equipes protagonistas da história que a empresa quer construir.

Ao fazer essa análise, se questione:

  • Onde deseja chegar?

  • Qual estrutura será demandada para conquistar tudo isso?

  • Qual parte dessa estrutura a sua organização já possui e qual parte ainda precisa ser modificada?

  • Qual a mudança que preciso realizar na minha organização e com a minha equipe?

  • Qual mudança eu preciso realizar em mim mesmo?

Feita essa reflexão, é hora de partir para a ação, expansão e realização!

E nós do Instituto Mudita estamos aqui para te auxiliar nesse processo. Por meio da nossa consultoria Fortalecimento da Cultura Organizacional, trazemos ao empreendedor ferramentas para que ele construa uma cultura que una a organização em prol de objetivos comuns, ao mesmo tempo em que fortalece os valores e ideais da empresa, fundamentais para superar incertezas e atingir resultados.

Conte conosco e agende uma reunião por WhatsApp 011 99785-4331 para saber mais sobre o nosso trabalho.

Outros textos que podem te interessar:

Qual o impacto da Cultura do Medo para o seu negócio?

5 passos para colocar a Cultura Organizacional em prática

Qual o impacto da Cultura Organizacional para os resultados do seu negócio?

 

×